Descubra como solicitar a sua via do novo RG

O governo irá começar a entregar um novo modelo de RG com padrão internacional, aprenda a seguir como solicitar.

Anúncios

O Brasil adotará um modelo novo e diferente do documento de identidade atual, segundo informações do governo federal. O novo RG poderá começar a ser emitido a partir do dia 4 de agosto de 2022.

O modelo atualizado foi apresentado na segunda-feira, 27 de junho e estará disponível em todas as federações brasileiras independente do estado em que o cidadão estiver morando.

Também foi divulgado o novo modelo do passaporte em conjunto com o novo RG, que é chamado pelo governo de Carteira de Identidade Nacional (CIN).

Esta novidade ainda não foi disponibilizada para todos neste primeiro momento, portanto é necessário ter atenção. Atualmente, somente os moradores de alguns estados brasileiros, poderão ter acesso ao CIN, desde que já tenham CPF.

Os estados que irão disponibilizar o documento serão: Acre, Pernambuco, Minas Gerais, Goiás, Paraná, Distrito Federal, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. E os demais poderão ter acesso ao novo RG apenas em 2023, sendo o prazo definido para o mês de março.

Embora a troca seja obrigatória, o governo afirmou que a regra garante que a identidade atual terá validade até o ano de 2032. A substituição do mesmo acontecerá de forma gratuita e gradativa, “sem atropelos”.

Conteúdos que podem te interessar:

Como irá funcionar?

Como citamos anteriormente, o governo irá disponibilizar um novo documento de identidade, e a mudança será obrigatória, porém gratuita e gradativa. Alguns estados já estão disponibilizando a mudança do RG para cidadãos que tenham CPF.

O novo modelo irá disponibilizar uma numeração que será única, portanto, somente o número do CPF irá bastar. Vale lembrar que o novo documento terá uma versão física e outra virtual onde será possível checá-lo via QR Code, mesmo quando o usuário estiver sem acesso à internet.

Vale lembrar que o novo RG terá padrão internacional, permitindo ao cidadão utilizá-lo dentro e fora do país, pois o mesmo será emitido em código MRZ (Machine Readable Zone), o mesmo presente nos passaportes.

No entanto, o Brasil só conta com acordos para uso do CIN nos postos imigratórios de países do Mercosul. Para os outros países, o passaporte continua sendo obrigatório.

Confira as informações que serão reunidas no novo documento

São diversas informações que serão utilizadas no novo modelo do documento CIN, veja a seguir quais são elas:

  • Identificação do órgão expedidor, número identificador;
  • Nome, sexo, filiação, nacionalidade, local e data de nascimento do cidadão;
  • Fotografia, seguindo padrão da Organização Internacional da Aviação Civil (OACI) em proporção ao formato 3×4 cm;
  • Impressão e assinatura digital do polegar direito;
  • Novos elementos para verificação de autenticidade;
  • Disposição de doar órgãos em caso de morte, além de informações sobre o grupo sanguíneo e fator RH.

Como realizar a emissão do novo RG?

As emissões do modelo atualizado do novo documento de identidade irão acontecer no Instituto de Identificação que o cidadão reside, a partir de 4 de agosto de 2022.

O documento CIN será disponibilizado para os brasileiros em 2 versões: online e impresso, e o maior objetivo é que nenhum cidadão fique sem acesso ao documento, pois parte da população não possui Smartphone com internet.

O novo documento de identidade online ficará disponível para os cidadãos e a versão digital poderá ser facilmente solicitada através do aplicativo do governo federal, desde que o cidadão já tenha emitido o documento impresso.

Portanto, devemos afirmar que o CIN digital é apenas uma segunda opção da versão física, mas não pode substituí-la.

Ajude outras pessoas, compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais:
Vitória Oliveira
Vitória Oliveira

Redatora, procuro sempre está atualizada para poder levar informação para as pessoas de forma simples e verdadeira!

0

Aguarde um momento…