Chapada da Diamantina: um paraíso natural na Bahia

Descubra as belezas e os encantos de uma das regiões mais fascinantes do Brasil.

Anúncios

A Chapada Diamantina é um dos mais belos e fascinantes destinos de natureza do Brasil.

Localizada no centro do estado da Bahia, a região abriga uma diversidade de paisagens, como serras, cachoeiras, grutas, rios e lagos.

A Chapada Diamantina faz parte da Cadeia do Espinhaço, uma cordilheira que se estende desde o sul de Minas Gerais até o norte da Bahia.

A região também possui as maiores altitudes do Nordeste brasileiro, como o Pico do Barbado, com 2.033 metros de altura.

A Chapada Diamantina é um lugar ideal para quem gosta de aventura, ecoturismo e cultura.

A região oferece diversas opções de atividades, como trilhas, rapel, canoagem, mergulho e observação de fauna e flora.

Além disso, a Chapada Diamantina tem uma rica história ligada à exploração de diamantes no século XIX.

Esta deixou um legado de arquitetura colonial, manifestações artísticas e festas populares.

Como chegar à Chapada Diamantina

Para chegar à Chapada Diamantina, a cidade de Lençóis é o principal acesso, que se localiza a aproximadamente 430 km de Salvador e 1.066 km de Brasília.

Lençóis tem um aeroporto que recebe voos regulares da Azul duas vezes por semana, normalmente às quintas e domingos.

Os voos costumam ser caros, por isso é recomendável comprar com antecedência ou usar milhas.

Outra opção é ir de ônibus a partir de Salvador. A empresa Real Expresso faz o trajeto diariamente em cerca de sete horas.

O preço da passagem varia entre R$80 e R$100. Também é possível ir de carro até Lençóis pela BR-324 e depois pela BA-052.

O percurso leva cerca de seis horas e meia e passa por cidades como Feira de Santana e Ipirá.

O que fazer na Chapada Diamantina

A Chapada Diamantina tem atrações para todos os gostos e níveis de dificuldade.

Algumas das mais famosas são:

Morro do Pai Inácio

Um dos cartões-postais da região, o morro tem 1.120 metros de altitude e oferece uma vista panorâmica das serras ao redor.

O acesso é fácil por uma estrada asfaltada e uma trilha curta e íngreme. O pôr do sol é imperdível.

Cachoeira da Fumaça

A segunda maior cachoeira do Brasil, com 340 metros de queda livre.

Para chegar até ela é preciso fazer uma trilha de seis quilômetros (ida e volta) a partir do Vale do Capão.

A caminhada dura cerca de duas horas e meia e passa por campos de sempre-vivas e mirantes.

A cachoeira só tem volume de água na época das chuvas (de novembro a março).

Poço Azul e Poço Encantado

Duas grutas com águas cristalinas que refletem a luz do sol em tons azulados.

O Poço Azul permite o mergulho com snorkel ou cilindro, enquanto o Poço Encantado só pode ser contemplado de uma plataforma.

O fenômeno da iluminação ocorre entre abril e setembro, entre 10h30 e 13h30.

Cachoeira do Buracão

Uma das mais belas e impressionantes cachoeiras da Chapada Diamantina, com 85 metros de altura e um grande poço para banho.

A trilha para chegar até ela tem 6 km (ida e volta) e parte da cidade de Ibicoara.

O trajeto inclui trechos de caminhada, natação e rapel.

Vale do Pati

Considerado um dos trekkings mais bonitos do Brasil, o Vale do Pati é um paraíso para os amantes da natureza.

O roteiro pode durar de três a sete dias e passa por cachoeiras, mirantes, grutas e vilarejos.

A hospedagem é feita em casas de moradores ou em campings.

Onde se hospedar na Chapada Diamantina

A Chapada Diamantina tem diversas opções de hospedagem, desde pousadas simples até hotéis de luxo.

A escolha depende do seu orçamento, do seu estilo de viagem e das atrações que você quer visitar.

Algumas das cidades e vilas mais procuradas são:

Lençóis

A maior e mais estruturada cidade da região, com boa oferta de restaurantes, bares, lojas e agências de turismo.

É uma boa base para quem quer conhecer as atrações mais próximas, como a Cachoeira do Sossego e diversas outras.

Algumas opções de hospedagem são o Canto das Águas Hotel, o Hotel de Lençóis e o Albergue Chapada Hostel.

Vale do Capão

Um vilarejo charmoso e alternativo, cercado por montanhas e cachoeiras.

É o ponto de partida para a trilha da Cachoeira da Fumaça e para o Vale do Pati.

Tem uma atmosfera tranquila e acolhedora, com pousadas rústicas e restaurantes vegetarianos.

Algumas opções de hospedagem são a Pousada Lendas do Capão, a Pousada Tatu Feliz e o Camping Sempre Viva.

Mucugê

Uma cidade histórica que preserva o patrimônio arquitetônico e cultural da época do ciclo do diamante.

Tem um clima frio e agradável, com casas coloridas e igrejas.

Fica próxima de atrações como o Poço Azul, o Poço Encantado e o Parque Municipal Sempre Viva.

Algumas opções de hospedagem são a Pousada Mucugê, a Pousada Pé na Serra e o Alpina Hotel.

Igatu

Uma vila encantadora que parece ter parado no tempo, com ruínas de pedra que remetem ao passado dos garimpeiros.

É um lugar ideal para quem busca sossego, contato com a natureza e arte.

Fica perto de cachoeiras como a dos Anjos e dos Arcanjos e da Gruta da Pratinha.

Algumas opções de hospedagem são a Pousada Pedras de Igatu, a Pousada Flor de Açucena e a Art Hotel Cristal de Igatu.

Quando ir à Chapada Diamantina

Não há época ruim para conhecer a Chapada Diamantina.

Contudo é preciso levar em conta as variações climáticas e as características das atrações.

De modo geral, existem duas estações bem definidas: a seca (de abril a outubro) e a chuvosa (de novembro a março).

Na estação seca, as temperaturas são mais amenas, especialmente à noite, podendo chegar a 10°C nas áreas mais altas.

As trilhas ficam mais fáceis e as grutas ficam mais iluminadas pelo sol. Por outro lado, as cachoeiras perdem volume de água ou até secam completamente.

Na estação chuvosa, as temperaturas são mais elevadas, podendo ultrapassar os 30°C durante o dia.

As chuvas costumam ser rápidas e intensas, mas podem atrapalhar algumas atividades ou causar enchentes nos rios.

Por outro lado, as cachoeiras ficam mais caudalosas e bonitas.

A alta temporada na Chapada Diamantina coincide com os feriados nacionais e as férias escolares, quando há mais movimento e preços mais altos.

Os meses intermediários (março, abril, maio, junho, agosto, setembro).

Dicas para aproveitar melhor a Chapada Diamantina

Para curtir ao máximo a sua viagem à Chapada Diamantina, é importante se planejar com antecedência e seguir algumas recomendações.

Aqui vão algumas dicas:

Escolha bem a época da sua viagem de acordo com o que você quer ver e fazer

Se você quer ver as cachoeiras com mais água, prefira ir na estação chuvosa (de novembro a março).

Se você quer ver as grutas mais iluminadas, prefira ir na estação seca (de abril a outubro).

Contrate um guia ou uma agência de turismo para fazer as trilhas e os passeios

Além de garantir a sua segurança e orientação, eles também vão te contar sobre a história, a cultura e a natureza da região.

Você pode encontrar guias e agências em Lençóis e em outras cidades da Chapada Diamantina.

Leve roupas e calçados adequados para as atividades que você vai fazer

Use roupas leves, confortáveis e que protejam do sol. Use calçados fechados, antiderrapantes e que sejam resistentes à água.

Leve também um casaco para as noites frias e uma capa de chuva para os dias chuvosos.

Não se esqueça de levar protetor solar, repelente, chapéu, óculos de sol e garrafa de água

Esses itens são essenciais para se proteger do sol, dos insetos e da desidratação.

Você também pode levar um kit de primeiros socorros com remédios básicos e curativos.

Respeite a natureza e a cultura local

Não deixe lixo nas trilhas e nas cachoeiras. Não alimente os animais silvestres. Não colete plantas ou pedras.

Não faça fogueiras ou acampe em áreas proibidas.

Não faça barulho excessivo ou perturbe os moradores. Seja gentil e educado com as pessoas que você encontrar pelo caminho.

A Chapada Diamantina é um destino incrível que vai te surpreender com suas belezas naturais e sua riqueza cultural!

Ajude outras pessoas, compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais:
Portal Magnific
Portal Magnific

Portal de informações sobre diversos assuntos relacionados a finanças, nosso dever é fornecer as noticias mais atuais de forma verdadeira e simplificada!

0

Aguarde um momento…