Bitcoin e Ethereum: qual a diferença?

Conheça a seguir qual a diferença entre as criptomoedas Bitcoin e Ethereum.

Anúncios

As criptomoedas Bitcoin e Ethereum tem o principal objetivo de tornar as trocas financeiras e operações que as pessoas realizam mais rápidas e menos burocráticas, mas se compararmos uma com a outra, podemos perceber que os seus serviços são bastante diferentes.

As redes ETH (Ethereum) e o BTC (Bitcoin) são as mais valiosas e maiores cripto ativas do mundo.

Elas surgiram como uma opção para o serviço financeiro tradicional, disponibilizando a ideia de descentralização das finanças.

Isso significa que, não são os bancos ou governos que trabalham como intermediários para que ambas funcionem como acontece com as moedas em real, euro e dólar. Vale lembrar também que o Ethereum e o Bitcoin funcionam em redes blockchain.

Isso significa que através do blockchain é possível receber e enviar informações, valores e muito mais por meio da internet.

O blockchain trata-se de sistemas de blocos em cadeia onde um conjunto de informações são registradas e ligadas a blocos de informações.

Confira a seguir quais são as principais características das moedas Bitcoin e Ethereum, e veja quais são as suas principais diferenças.

Conteúdos que podem te interessar:

O que é Bitcoin?

Trata-se da primeira moeda virtual criada no mundo e só existe no meio eletrônico, o que significa que não há nenhuma em forma física. Assim, são as próprias pessoas que enviam e recebem bitcoins.

Além disso, o Bitcoin é um dinheiro que possui limitações. Sua tecnologia de criação permite que sejam emitidos virtualmente até 21 milhões de unidades.

O que é Ethereum?

O Ethereum é a segunda maior do mundo, e trata-se de uma ferramenta que disponibiliza que transações descentralizadas sejam realizadas, tais como transferências.

Além disso, também é possível realizar empréstimos de criptomoedas entre as pessoas sem precisar de um banco físico ou outra instituição para intermediar.

Este serviço é titulado como DeFi (termo em inglês que significa finanças descentralizadas). Veja a seguir quais são as principais diferenças entre ambas as moedas.

Quais as principais diferenças entre Ethereum e Bitcoin?

O Bitcoin e o Ethereum possuem alguns fatores que se assemelham um ao outro, mas também contam com algumas diferenças. Continue a seguir e descubra quais são elas através da lista que preparamos.

Bitcoin

  • Tem o objetivo de ser uma moeda descentralizada;
  • Sua moeda virtual é conhecida como: Bitcoin (BTC);
  • Possui limite de emissão de 21 milhões de unidades;
  • O seu tipo de protocolo é: PoW;
  • Cerca de 10 minutos para serem realizadas as transações;
  • Através dele não é possível criar outras criptos.

Ethereum

  • Possui objetivo de ser uma ferramenta descentralizada para a formação de outros produtos;
  • A moeda virtual é conhecida como: Ether (ETH);
  • Não possui limite de emissão;
  • Seu tipo de protocolo é o Ethereum: PoW até 2022 e Ethereum 2.0: PoS;
  • Cerca de 20 segundos para serem realizadas as transações;
  • Permite criação de outras criptos, pois isso serve como base para a criação de outras redes blockchain, dApps, NFTs, contratos inteligentes, e muito mais.

Ao observarmos as informações de cada criptomoeda entendemos que Bitcoin e Ethereum não são tão semelhantes quanto parece, pois como vimos acima, contam com diferenças na velocidade de transação, objetivo, limite de emissão, e também na geração de outras criptos.

Confira a seguir qual é a melhor criptomoeda Bitcoin ou Ethereum, e veja qual se encaixa mais com o seu perfil e necessidades.

Qual a melhor criptomoeda Ethereum ou Bitcoin?

O Bitcoin trata-se de uma moeda virtual que é usada como serviço financeiro sem intermediários, agora já o ethereum é uma plataforma que possui diversos tipos de aplicações, e como citamos anteriormente, esta é a maior diferença entre as duas criptos.

Dessa forma, cada uma delas possui diferentes valores de mercado de acordo com a época e os seus propósitos são bastante diferenciados um do outro.

O Bitcoin, possui mais negociações diárias, mais valor de mercado, e conta com um sistema totalmente seguro, que jamais sofreu com ataques de hackers.

No entanto, ele é bem mais devagar se comparado com o Ethereum, e, além disso, conta com menos aplicações.

Porém o Ethereum, trata-se de uma rede mais rápida, e é considerado a segunda criptomoeda mais valiosa. Além disso, conta com volume de transações diárias, e disponibiliza o modo para criação de novas redes blockchain a partir da sua base.

Porém, ele já teve problemas de segurança há um tempo, e agora está passando por algumas atualizações.

Nesse caso, escolher entre uma e outra irá depender muito mais do seu modo estratégico e quais serão as suas exigências para realizar os investimentos. Mas caso você deseje também é possível que você tenha em sua carteira as duas moedas virtuais.

Ajude outras pessoas, compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais:
Portal Magnific
Portal Magnific

Portal de informações sobre diversos assuntos relacionados a finanças, nosso dever é fornecer as noticias mais atuais de forma verdadeira e simplificada!

0

Aguarde um momento…